Não sei quantas noites passei jogando Counter Strike ou Call of Duty, desde sozinho com o headset falando impropérios pela net até nas (extintas) lan houses em corujões regados de Coca-cola e Cheetos.

Baseado nessas doces lembranças, fiquei eufórico quando vi o trailer do Hardcore Henry. E somente há pouco tempo, pude assistir.

hardcore-henry-cam

Hardcore Henry é um filme de ação em primeira pessoa. Basicamente, um ator que saiba fazer parkour e uma GoPro na cabeça. Isso é bem basicamente, pois o filme conta com uma direção corajosa, um ritmo constante e cenas muito bem conduzidas.

O ritmo do filme é frenético do começo ao fim, regado com muito sangue. As cenas são violentamente conduzidas pelo Ilya Naishuller, diretor responsável também pelo clipe ‘Bad Motherfucker‘ da (sua) banda Biting Elbows de onde surgiu a ideia do filme, vejam abaixo:

Depois do clipe, eles já tinham a ideia, mas faltava $$$. E isso é o que deixa tudo mais legal:  a grana do filme foi através de financiamento coletivo, conseguindo 254k de obamas/hilaries/trumps pelo Indiegogo. Basicamente, um filme de fã para fã!

O roteiro de Hardcore Henry que seria algo digno de apreensão, mostra-se corajoso, para não falar louco, cheio de cenas absurdas e virtuosas – virtuosidade é algo que não falta.

Claro, não vou chamar o roteiro de inovador, pois já nos deparamos com ele algumas vezes em jogos. Mas, a forma como é contada faz ficar interessante e merece muito crédito.

Para mostrar a virtuosidade, temos cenas com sniper extremamente fodas, deixando qualquer camper com inveja, temos cenas de ação envolvendo umas 50 pessoas, uns 300 litros de sangue e caras, não consigo medir essa quantidade de violência.

Sabe quando disse louco? Bem, temos um tanque de guerra, um cavalo e uma perseguição (YEAH!). Eu realmente não duvidaria se o Henry “voasse” com um tanque de guerra em queda livre (mas isso é outro filme).

Henry, interpretado pelo Sergey Valyaev, Andrei Dementiev e também pelo multi-tarefas Ilya Naishuller, nosso abiguinho para toda hora, não tem um módulo de voz instalado, por isso, ele não consegue falar nada. Isso é contornado com vilões caricatos que explicam os planos e com o Sharlto Copley, o alívio cômico (não menos absurdo e violento) da história.

Sharlto Copley stars in HARDCORE HENRY Courtesy of STX Entertainment

Sharlto Copley stars in HARDCORE HENRY
Courtesy of STX Entertainment

O filme não é para todos, afinal, é bem acelerado e pode ser bastante confuso para quem não está acostumado a jogos de tiro. Ainda acho que as cenas de ação são melhores organizadas que Michael Bay, mas ainda assim podem ser difíceis.

Eu gostei disso, o filme não se acovarda em momento nenhum.

O que eu posso dizer? Em um mundo com premiações justas, Hardcore Henry ganharia em técnicas, no mínimo.

1632 Total Views 9 Views Today

Milton Salles

Ai, que delicia, cara...

More Posts

Follow Me:
TwitterFacebookGoogle Plus

Deixe seu comentário:


Faça parte

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui! À toa na Net - Agregador de Conteúdo
Total