Comecei a ler o livro “Contos Amargos“, da editora Pen Dragon, por indicação (e empréstimo) de um brother que trabalha comigo, o Diogo. O livro logo de cara ganhou minha simpatia, pois ele é pequeno, os contos são curtos, parecia algo gostosinho de ler. Além disso, esse título, “Contos Amargos“, é bastante foda.

Pensei que seria durão o suficiente, o John McClane do Táxi Café, e não levaria pancadas dos quatro escritores, Alessandra Tapias Morales, Bruno Catão, Paulo V. Mendonça e Allana Machado. Mas, estava bastante enganado.

capa

Todos os contos do livro são sobre o cotidiano – exceto o conto Caronte, meu preferido. Alguns são “amigáveis” sobre esperança, sonhos e batalhas. Outros “cruéis” sobre desespero, depressão e perda. E pelos contos terem diversos temas corriqueiros e escrito por quatro pessoas, com certeza você levará uns socos que lhe tirarão o ar. Talvez os contos sobre perda são mais tristes para quem enfrentou isso, assim como todos outros temas também procuram feridas.

Quando chamo os contos de cruéis, quero dizer que são críveis e crús, sendo totalmente possível que já tenha acontecido com você ou algum conhecido. Mas não se preocupe tanto, o livro não é uma sessão suicídio. “Contos Amargos” respeita o leitor, nos dando um respiro com algo amigável de contos em contos. Porém, mesmo quando amigável, ainda tenta pontecializar suas emoções, é um bom livro, sem dúvida.

E mesmo com um tema “amargo”, é bastante gostoso de ler, os contos não passam de 5 páginas, e o modo que foi escrito é bastante simples. Gosto muito disso, é totalmente possível ler após chegar do trampo.

Eu aconselho bastante a leitura, caso queiram saber mais sobre o trabalho incrível desses quatro amigos, basta acessar a página do Skoob (ou comprar).

E você, qual livro mais amargo que já leu? Compartilhem livros que trazem dose de amargura diária!

1521 Total Views 9 Views Today
Avaliação.
Ótimo

Milton Salles

Ai, que delicia, cara...

More Posts

Follow Me:
TwitterFacebookGoogle Plus

Deixe seu comentário:



Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui! À toa na Net - Agregador de Conteúdo
Total